Sítio Arqueológico São Miguel Arcanjo

  • Publicado em: 17/01/2018 às 09:39   |   Imprimir

Sítio Histórico São Miguel Arcanjo
“Patrimônio Cultural da Humanidade”

 

Informações sobre a visitação ao Sitio Histórico São Miguel Arcanjo.

Visitação ao Sítio: Horários- Durante o horário de verão: 9h ás 12h - 14h ás 20h.

Normal: 9h às 12h - 14h às 18h.

 

Nas segundas-feiras o Sitio abre para visitação das 13h30min às 17h.

 

Valor dos ingressos para visitação ao Sítio:

-Adultos R$ 5,00

- Estudantes e crianças acima de 6 anos 2,50

- Idosos acima de 60 anos não paga.

Obs.: Escola pública mediante oficio endereçado ao IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) – Chefe do Escritório – Adriana Almeida.

Este oficio deve conter a relação dos alunos, com identidades, em papel timbrado da escola, carimbado e assinado pelo diretor, solicitando a isenção do ingresso para visitação ficam isentos para a visitação.  

 

Informações
Escritório do IPHAN - (55) 3381-1399

O que visitar no Sítio Arqueológico

 Museu das Missões: Museu projetado por Lúcio Costa, foi construído em 1940, abriga a arte sacra missioneira dos séculos XVII a XVIII).

 Cruz Missioneira: Símbolo de fé e proteção nas Missões.

 Sino: Está no Museu das Missões, foi feito na Redução de São João Batista, estava na torre da Igreja de São Miguel Arcanjo.

 Igreja: Projetada pelo Arquiteto italiano Gean Batista Primolli, construída em 1735 em pedra grês, e coberta com telha de barro.

 Antiga Sacristia: Vídeo de hora/hora, que conta a história da Redução de São Miguel Arcanjo, e através da computação, podemos observar como era o plano urbanístico.

 Colégio: Local em que os meninos aprendiam a escrever e ler.

 Oficinas: Nas reduções tinham várias oficinas, da escultura, pintura, música, tecelagem, ourives...

 Cemitério: Cemitério dos índios, estava localizado à direita da igreja, nesse local enterravam os mortos separados por sexo, ou seja, meninos(as), homens e mulheres.

 Cotiguaçu: Casa grande onde viviam as viúvas que tinham tarefas, uma delas era cuidar dos órfãos.

 Casas: As casas dos índios localizavam-se ao redor da praça, possuíam seus alpendres e avarandados.

 Hospedaria: Localizada ao lado das oficinas, tinha a finalidade de hospedar viajantes de outras reduções.